História

Em 14 de outubro de 1950, por intermédio do Aviso Ministerial nº 654, foi criada a Comissão Especial de Serviço Social do Exército, diretamente subordinada ao Ministro da Guerra, com a finalidade de promover estudos e implementar programas de cunho assistencial para atender a família militar, tais como aquisição da casa própria, assistência à saúde e ao lazer, apoio à educação, empréstimos financeiros e outros.
A Lei nº 2.851, de 25 de agosto de 1956, dispôs nova organização para o Exército, que passou a ser constituído por Órgãos de Direção Geral, Órgãos Auxiliares, Forças Terrestres e Órgãos Territoriais. Dentre os Órgãos de Direção Geral, surgiu o Departamento-Geral do Pessoal, com três diretorias diretamente subordinadas: a Diretoria do Pessoal da Ativa, a Diretoria do Serviço Militar e a Diretoria de Assistência Social, a qual viria absorver os encargos e as responsabilidades da Comissão Especial do Serviço Social do Exército, extinta a partir daquela data.
Em 1971, mercê de nova reestruturação do Exército, a DAS foi desvinculada do DGP, passando à subordinação do Departamento-Geral de Serviços, onde permaneceu até o final de 2000, quando, em razão da extinção daquele Departamento, retornou à estrutura do DGP.
Em 27 de junho de 2002, o Decreto nº 4.288 dispôs sobre a atual estrutura do DGP, adequando-o aos princípios de racionalidade e modernidade que norteiam a administração da Força Terrestre. Nesse contexto, foi incorporado à Diretoria de Assistência Social o Serviço de Assistência Religiosa do Exército – o SAREX -, fechando assim o ciclo assistencial ao pessoal militar, consubstanciado em suas três vertentes principais e que se configuram a própria missão da Diretoria: a assistência social, a assistência religiosa e o apoio complementar à saúde.
O Decreto nº 4963, de 28 de janeiro de 2004, publicado no Diário Oficial da União nº 20, de 29 de janeiro de 2004, alterou os artigos 1º e 2º, do Decreto nº 4288, de 27 de junho de 2002. Em conseqüência, a Diretoria do DGP passou a ter a seguinte denominação:
- Diretoria de Assistência ao Pessoal (DAP) - antiga DAS. Ao longo de sua existência, a Diretoria sempre se constituiu em motivo de orgulho para todos seus integrantes que ostentam, desde 1987, o distintivo de identificação da OM, cuja descrição heráldica representa os princípios fundamentais da Assistência ao Pessoal, fraternidade e solidariedade: "Escudo peninsular português, filetado de ouro, duas faixas, a superior em vermelho e a inferior em azul celeste, cores representativas do Exército, sobrepostas pela sigla DAP, em branco. Campo vermelho, carregado com um losango, em branco, contendo, em abismo, uma coluna grega, símbolo da Assitência ao Pessoal.